Como Steven Universe mudou minha vida

by - 10:00:00

Steven Universe fanart por Magica Pungu

 Primeiramente fora temer peço perdão pelo vacilo de ter falado que ia postar todos os dias no blog e ficar sem postar por quase meio ano... e só agora estar ressuscitando o blog.

Enfim...

 Como vocês já devem ter percebido (porque eu não paro de falar sobre isso no instagramsorry not sorry), recentemente eu finalmente parei pra assistir Steven Universe, depois de um amigo insistir muito. Sinceramente eu não sei porque demorei tanto pra assistir. Pra quem não conhece, essa série é uma animação da Cartoon Network simplesmente maravilhosa, e é a primeira na história da empresa a ser criada por uma mulher, a Rebecca Sugar, que também trabalhou em Adventure Time.

 Enfim, agora você já deve estar se perguntando: "mas Ana, como que um desenho animado pode mudar a vida de alguém??". A resposta é uma palavra muito simples, e que já até falei sobre em um vídeo: Representatividade

 Pra quem ainda acha que representatividade não é importante, te digo uma coisa: é sim. Não tem discussão. É muito importante. Se eu, por exemplo, tivesse um desenho como esse quando eu estava crescendo, me aceitar como lésbica, por exemplo, entre muitas outras questões, teria sido infinitamente mais fácil. Não só por ele representar a comunidade LGBT, mas por representar TODOS OS TIPOS de pessoas. É um desenho inspirador, e simplesmente revolucionário.

 E se você está pensando que a história contada durante a série trata só sobre essas questões, e que deve ser "cansativo" e bláblábla, bom, te digo algo: não é

Não mesmo. 

Nem de longe. 

 A história te prende por si só (não vou dar spoilers), porém esses detalhes de representatividade é o que deixam essa animação ainda mais maravilhosa, simplesmente por serem representados como sendo algo natural, e não questionável. Nenhum dos personagens da série questiona as questões que seriam facilmente levantadas na vida real. Tudo é tratado com naturalidade, com respeito.

 Tá ok, mas como foi que Steven Universe, uma série considerada por muitos ser feita somente "para crianças" (o que não é) mudou minha vida? Simples: inspiração. Eu sempre amei animação, séries, histórias intrigantes e empolgantes, reviravoltas inesperadas e etc, mas NENHUMA me inspirou tanto do jeito que Steven Universe me inspirou. 

 Essa série me fez sair da inércia da vida, me fez procurar seguir aquilo que eu queria há muito tempo, mas havia deixado de lado: a vontade de aprender (e fazer) animação (e até falei disso em outro vídeo). 

 Comecei a aprender a desenhar e a animar (e treinar mais no ukulele, rs). E estou me dedicando ao máximo para evoluir o quanto antes (eu sei que leva bastante tempo, mas acho que me dedicando talvez consiga ir mais longe mais rápido). Quero dar ao Brasil o que Rebecca Sugar deu à boa parte mundo (porque ainda existe censura em alguns países): representatividade. Quero criar um mundo que não tenha distinção entre cor de pele, sexualidade, gênero, religião e etc. Quero fazer algo que represente o maior número de pessoas possível. Pela nossa geração e pelas gerações futuras

 Foi assim que Steven Universe mudou minha vida. Essa série me fez movimentar. Fez com que eu acreditasse nos meus sonhos, e fez com que eu começasse a correr atrás deles. Me fez buscar.

 Ainda estou começando, tenho MUITO a aprender, mas acho que se eu me dedicar, um dia eu chego lá. E isso não tenho como saber agora, claro, mas é bom saber que eu pelo menos tentei.

Enfim, é isso, vim contar esse relato pra ver se consigo inspirar mais alguém, sei lá. Comenta aí o que achou! Vou adorar saber.

Vou indo nessa, e até a próxima!



You May Also Like

0 comentários